quinta-feira, 26 de março de 2020

D&D Digital - Jambô trará romances de D&D em versão digital

Em meio à crise do coronavírus, a Jambô Editora traz uma grande novidade aos brasileiros amantes de romances de fantasia. A editora adquiriu a licença para publicar os romances de Dungeons & Dragons em versão digital pela primeira vez no Brasil! Até então, a editora detinha apenas licença para publicação física.
Desde 2017, já foram lançados sete títulos: Pátria, Exílio, Refúgio, O Fragmento de Cristal, Legado (série A Lenda de Drizzt), Dragões do Crepúsculo do Outono e Dragões da Noite do Inverno (série Crônicas de Dragonlance).
A equipe já trabalha para converter os livros já publicados para e-book e, se tudo der certo, o primeiro título já deve estar disponível na semana que vem! Os livros digitais estarão disponíveis em formatos epub, mobi e pdf, abarcando os principais e-readers (leitores digitais, como o Kindle e o Lev). A Jambô também  avisou que isso não irá interferir na publicação do próximo livro físico dos romances de D&D, Rios de Prata (da série A Lenda de Drizzt).

quarta-feira, 25 de março de 2020

Tormenta20 - Transmissão Ao Vivo


Hoje, quarta-feira, 25 de março de 2020, a Jambô Editora fará uma transmissão ao vivo com novidades e atualizações sobre o Tormenta20, o novo sistema que arrecadou quase R$ 2 milhões em uma campanha de financiamento coletivo ano passado. Na transmissão, a editora promete uma primeira olhada em recompensas já prontas e até páginas do livro! Além disso, trarão também algumas boas notícias para quem está isolado em casa neste período conturbado pelo qual passamos.

Você pode participar clicando aqui ou na imagem a cima.

terça-feira, 24 de março de 2020

Em Tempos de Quarentena, Jambô Libera Livros e Descontos

Passamos por um período grave no mundo todo. Por questões de saúde, estamos todos isolados para evitar disseminar uma ameaça invisível. Parece coisa de filme ou de uma aventura de RPG, mas é a realidade. Para evitar contágio e disseminação, a recomendação no mundo todo é que fiquemos em casa. E para tornar esse isolamento menos desagradável, várias empresas e instituições estão oferecendo suporte e meios das pessoas se distraírem. Inclusive no RPG.
Para incentivar os fãs RPGistas a ficar em casa, a Jambô Editora está oferecendo conteúdo gratuito e com grandes descontos. Isso inclui:

  • O manual básico do Tormenta RPG está gratuito, com o cupom tormentaemcasa;
  • O playtest do Tormenta20 foi liberado para não apoiadores, também com o cupom tormentaemcasa;
  • Distribuição gratuita de um arquivo contendo três matérias da revista Dragão Brasil que ensinam como jogar RPG de mesa via internet;
  • Todo o restante do catálogo digital com 50% de desconto, com o cupom leiaemcasa.

Lembrando que a pessoa precisa colocar o cupom na hora da compra para reduzir o valor. Mesmo no caso dos livros gratuitos, irá "comprar" por zero reais. A exceção é o tutorial, que está na página de Downloads do site, em "Dragão Brasil — Como jogar RPG de mesa pela internet". No caso dos parceiros que queiram aproveitar o desconto, ele é cumulativo com o cupom de parceiro.

E Já tem Bloodshot Vol. 2!
E pra não ficar falando só de coisa ruim, saibam que Bloodshot Vol. 2 já está disponível! Quem comprou na pré-venda deve começar a receber em breve.


quinta-feira, 5 de março de 2020

Resenha: Holy Avenger: Paladina – o começo de uma nova saga

Se você é fã de Tormenta (o maior cenário de fantasia criado no Brasil) já deve saber disso, mas Holy Avenger: Paladina (HA:P) é o mais recente mangá publicado pela Jambô Editora ambientado no cenário. Com roteiro de Marcelo Cassaro e arte de Erica Awano, o título é uma espécie de continuação de Holy Avenger, um premiado mangá lançado pelos mesmos autores na década de 90 e que foi considerado um marco para o cenário de Tormenta – que, na época, ainda estava em crescimento inicial.

Perceberam que eu disse “uma espécie de continuação”? Isso porque na realidade o título não é bem uma continuação direta, mas uma nova saga, uma nova estória, com elementos de seu antecessor. Pelo menos por enquanto, HA:P não traz Lisandra, Sandro, Tork e Niele de volta para novas aventuras. Tais personagens nem sequer aparecem – ok, pelo menos um deles aparece, mas não é realmente importante para a trama... ah é, e tem um outro que não “aparece”, mas... bom, deixa pra lá, melhor vocês lerem para entender. O fato é que não se trata de uma continuação. Isso o torna ruim? Nem de perto. HA:P resgata muitos dos elementos que fizeram sucesso nos anos 90 e os reinventa, trazendo algo novo e aproveitando todas as novidades que surgiram ao longo dos vinte anos do cenário. A estória é cheia de referências à série original que me arrancaram ligeiros sorrisos com o canto do lábio. Mas você não precisa conhecer a estória de Holy Avenger para entender Holy Avenger: Paladina; são estórias independentes.

Perceberam que eu falei “por enquanto” lá em cima? Então, quando recebi a notícia do lançamento deste novo título, presumi que a nova saga seria um volume único, com começo, meio e fim. Pois é, não é bem assim. Na verdade, o título lançado traz somente as cinco primeiras partes da saga. Outros títulos virão, dando continuidade à estória. O quão longo ela será, não é possível definir ainda, mas a se seguir os rumores de sua antecessora, será uma longa crônica. A Holy Avenger original teve 40 edições, sem contar duas edições de “epílogo” e umas cinco edições especiais, cada uma dedicada a um dos protagonistas.

Bem, agora vamos às minhas impressões e opiniões. Não vou negar que a nova trama não me prendeu tanto quanto a original. Não sei se é porque estou ficando velho e chato, mas acho que tem a ver com a “ousadia” do novo título. Holy Avenger (a original, dos anos 90) começou singela, com elementos pequenos, e foi subindo, abarcando elementos cada vez maiores até que os próprios deuses estavam envolvidos no enredo. HA:P é mais ousada nesse sentido: o próprio Khalmyr, Deus da Justiça, faz uma aparição logo de cara! Claro, suas reais motivações ainda são um mistério, ainda há muito para acontecer... mas não sei, achei alguns acontecimentos rápidos demais. Não estou dizendo que isso tudo estraga a estória, claro que não, mas eu preferiria que começasse mais devagar.

Outra coisa que achei estranha foi a aparição e o comportamento de Nialandarena. Sumo-sacerdotisa de Wynna, Deusa da Magia, Niala é uma personagem que já está presente no cenário há algum tempo. Quando ela surge, porém, parece um elemento novo, algo que acaba de surgir. Me pergunto se a origem da qareen será explorada com o tempo (incluindo alguns velhos rumores já sugeridos) ou se tudo será deixado de maneira subjetiva.

Por fim, cabe ressaltar que HA:P dá um grande salto temporal no cenário. Na realidade, eu diria até que o lançamento do título foi um pouco afobado. Considerando todos os novos elementos que aparecem na estória, seria mais lógico que HA:P fosse publicado apenas depois da publicação do vindouro Tormenta20, jogo que em breve atualizará o cenário de maneira muito consistente. Aliás, se você não está atualizado quanto aos eventos mais recentes transcorridos em Arton (principalmente os grandes acontecimentos narrados em A Deusa no Labirinto), fique esperto – haverá spoilers. Acabei descobrindo da pior forma (por sorte não dou muita bola para isso). O outro romance mais recente ambientado no cenário, A Flecha de Fogo, também tem uma influência em elementos de HA:P, mas são menos evidentes (e se você quiser entender porque Malpetrim está tão diferente, leia a Dragão Brasil #151).

Em resumo, Holy Avenger: Paladina é uma leitura praticamente obrigatória a qualquer fã de Tormenta, principalmente aqueles que gostaram do mangá original. Uma nova saga, recheada de referências (incluindo referências a outros elementos do cenário, como a famosa Guilda do Macaco) que divertirão e trarão boas lembranças aos saudosistas. Novos personagens, com potencial para serem tão carismáticos quanto aqueles que conhecemos em HA. Novos elementos do cenário que provavelmente serão profundamente explorados. Se seguir os passos de seu antecessor, Holy Avenger: Paladina nos apresentará uma nova aventura que ficará marcada para sempre em nossas memórias, assim como nos próprios anais do cenário (afinal, a HA original teve grande importância no lore do cenário; não ficaria surpreso se isso voltasse a acontecer).

Holy Avenger: Paladina pode ser adquirida no site da Jambô Editora, assim como os demais títulos do cenário.

sexta-feira, 27 de dezembro de 2019

Mini-Resenha: Munchkin

Como uma boa parte dos RPGistas, eu gosto de jogos de tabuleiro, mas infelizmente não disponho de recursos suficientes para experimentar todos os que gostaria (na verdade, nem um terço). Dia desses, porém, decidi investir em um que havia experimentado uma única vez há muitos e muitos anos na Nerdz, na época em que ela ainda se chamava Jambô (e a Jambô Editora ainda nem existia, se não estou enganado -- pois é, deu pra entender que faz uma eternidade). Depois desse dia, nunca mais joguei, mas nunca esqueci do Munchkin -- e agora, após uma longa busca, enfim comprei a caixa básica.

Desenvolvido pela Steve Jackson Games (o do RPG GURPS, não o dos livros-jogos Fighting Fantasy) Munchkin é um jogo de cartas que retrata, de maneira divertida e irônica, a tradicional exploração de masmorras dos RPGs de fantasia. A cada rodada, cada jogador abre uma porta (usando as cartas de portas) para descobrir o que há naquele aposento -- e lá pode ter que enfrentar um monstro, sofrer uma maldição ou encontrar algum benefício que poderá usar mais tarde. Todos os jogadores começam no nível 1 e vence aquele que chegar ao nível 10 primeiro. Para subir de nível, deve-se enfrentar monstros -- ou usar cartas especiais que lhe permitem subir de nível. Mas não pense que será fácil: os outros jogadores farão de tudo para impedir que você suba de nível! Sim, eles podem e devem fazer isso! Esse é o espírito do jogo.

Para quem não está acostumado aos jogos de RPG, as regras a princípio parecem um pouco estranhas e confusas -- mas quando se pega o espírito do jogo, tudo fica fácil. Dia desses joguei com outras cinco pessoas, sendo que duas nunca jogaram RPG; demorou um pouco, mas pegaram o jeito. Aliás, o final foi emocionante, quando todos os jogadores estavam no nível 9, mas ninguém conseguia vencer porque um dos outros sempre impedia! Ficamos mais de cinco rodadas todos presos neste ponto, todos tentando vencer e sendo impedidos pelos demais.

Eu não diria que é um jogo muito barato (comprei a caixa básica por mais ou menos R$ 90,00 -- um valor elevado para alguns). Mas para quem gosta de jogos de tabuleiro e da experiência do RPG, vale a pena. E se você não gosta da fantasia medieval, não se preocupe: há caixas básicas com outras temáticas, como o Star Munchkin e o Munchkin: Warhammer 40k. Isso sem falar nas várias expansões e suplementos, como o Machado Descomunal, o Erros Cléricos, o Centauros e Lagartos, e até o temático Munchkin Destrói o Natal (tínhamos que ter jogado esse no dia 24...). Um joguinho que, se você gosta de RPG e jogos de tabuleiro, eu recomendo.

sexta-feira, 29 de novembro de 2019

Holy Avenger: Paladina

Continuação do aclamado quadrinho de Marcelo Cassaro e Erica Awano tem lançamento marcado para a CCXP 2019.

Originalmente publicada na década de 90 e tendo servido como base para a criação de Tormenta, o maior universo de fantasia do Brasil, a série de quadrinhos Holy Avenger é uma das mais longevas e mais premiadas do país. Vinte anos depois, a Jambô Editora anuncia a continuação da saga. Holy Avenger: Paladina é um mangá em capa dura, do roteirista Marcelo Cassaro e da artista Erica Awano, os mesmos criadores da série original. O lançamento será na CCXP 2019. Os autores participarão do painel Tormenta 20 anos, no dia 6 de dezembro (sexta-feira), às 14h30, no Auditório Ultra com sessão de autógrafos em sequência, no estande da Jambô.
Bastante popular desde o lançamento original, Holy Avenger venceu diversos prêmios. Entre eles, foi bicampeã do Troféu HQ Mix em 2001 e 2002, na categoria “Revista Seriada” e, em 2007, foi também finalista na primeira edição do Prêmio Internacional de Mangá, ocasião na qual os autores foram recebidos em terras nipônicas e reconhecidos pelo então Ministro das Relações Exteriores do Japão, Taro Aso, como um mangá legítimo. Com 40 edições regulares e 2 edições especiais e tendo sido publicada de 1999 a 2003, foi considerada também uma das mais longas HQs seriadas brasileiras.
Holy Avenger: Paladina reúne os criadores originais no desenvolvimento de uma história completamente nova, e estará disponível no site da editora a partir do dia 4 de dezembro. A publicação marca o final das comemorações de 20 anos de Tormenta, universo de fantasia brasileiro que já conta com dezenas de quadrinhos, romances, manuais de RPG, entre outras publicações, e que realizou, de maio a julho deste ano,  a campanha de financiamento coletivo Tormenta20, recordista no Catarse.

Holy Avenger: Paladina
Autores: Marcelo Cassaro e Erica Awano
Formato: 20,5 x 27,5 cm, 128 páginas, capa dura
Preço: R$ 59,90

* * *
Lançamento na CCXP 2019 – São Paulo
Painel:  Tormenta 20 Anos.
Convidados: Guilherme Dei Svaldi (moderador), Marcelo Cassaro, Rogerio Saladino, J. M. Trevisan, Leonel Caldela, Erica Awano, Karen Soarele, Samuel Marcelino (desenhando).
Data e horário: 6 de dezembro (sexta-feira), às 14h30.
Local: Auditório Ultra, seguido de sessão de autógrafos no estande da Jambô (próximo ao Artist's Alley).

quarta-feira, 20 de novembro de 2019

Jambô Editora anuncia lançamentos para a CCXP 2019

Maior evento de cultura pop da América Latina, a Comic Con Experience acontece entre os dias 5 e 8 de dezembro de 2019 em São Paulo. Com participação confirmada, a Jambô Editora já anunciou o lançamento do novo selo Blast!. A editora acaba de anunciar outros quatro lançamentos preparados especialmente para a ocasião.
* * *

O Inimigo do Mundo
Trilogia da Tormenta, vol.1

Uma história de heroísmo banhado em sangue.

Um assassinato brutal numa aldeia pacata coloca um grupo de aventureiros no rastro de um homem selvagem e misterioso. O assassino se move de um reino a outro, sempre um passo à frente. Seus objetivos são incompreensíveis, sua força é inexplicável. Espadas e escudos, magia e fé, esperteza e bravura tentam proteger os inocentes e punir os culpados. Mas, quando os próprios deuses tramam nos céus, será que meros mortais podem triunfar?
O Inimigo do Mundo, primeiro romance de Leonel Caldela (A Lenda de Ruff Ghanor, O Código Élfico, A Flecha de Fogo), apresenta uma nova face do mundo de Arton a veteranos e recém-chegados. O livro que revolucionou Tormenta e é um dos marcos na fantasia medieval brasileira volta em sua quarta edição, com novo projeto gráfico.

O Inimigo do Mundo
Série: Trilogia da Tormenta, vol.1
Autor: Leonel Caldela
Formato: 15,5 x 23 cm, 512 páginas, brochura
Preço: R$ 59,90

* * *
Dragões da Noite do Inverno
Crônicas de Dragonlance, vol.2

Os servos de Takhisis, a Rainha dos Dragões, voltaram ao mundo

Frente a esta ameaça, os povos de todos os reinos se preparam para lutar por seus lares, por sua liberdade e por suas vidas. Mas as raças estão há muito tempo divididas por ódio e preconceito. Conflitos entre cavaleiros humanos e guardiões elfos surgem por todos os lados e a batalha parece estar perdida antes mesmo de começar.
Os companheiros estão separados pela guerra. Uma estação inteira irá passar antes de eles se encontrarem novamente -- se conseguirem. À medida que a escuridão se aprofunda, um cavaleiro em desgraça, uma donzela élfica mimada e um kender inconsequente se veem sozinhos sob a pálida luz do sol invernal.
São poucos. São fracos. São tudo que resta entre os povos dos reinos e a Rainha dos Dragões.
O segundo volume das Crônicas de Dragonlance continua a saga da Guerra da Lança com uma das mais amadas histórias da literatura mundial.

Dragões da Noite do Inverno
Série: Crônicas de Dragonlance, vol.2
Autor: Margaret Weis e Tracy Hickman
Tradutor: Gilvan Golvêa
Formato: 15,5 x 23 cm, 416 páginas, brochura
Preço: R$ 59,90

* * *
Mercenário$
Volume 4

Domenik conclui sua missão no palácio real de Galatéia, capital de Agameron, deixando a pistoleira Savanna inconformada com o futuro tão distante do que sonhava para si.
Um grupo de soldados descobre que as lendas sobre a maldição da Floresta Morada da Escuridão não são apenas boatos.
Ventos de uma tempestade de sangue se formam no horizonte do Continente, enquanto uma figura misteriosa desperta de um sono profundo.
Carregada de um humor cínico, para aqueles que desejam mais do que os heróis certinhos de sempre, Mercenário$ apresenta uma série adulta e irreverente de fantasia medieval.

Mercenário$ Volume 4
Autoras: Fran Briggs e Anna Giovannini
Formato: 13,5 x 19 cm, 96 p·ginas, brochura
Preço: R$ 19,90

* * *
A Jornada da Heroína
ou O Monomito for Dummies

Era uma vez uma ordinária garota chamada Fulana. Numa bela tarde de sol, enquanto Fulana se dedicava ao seu não-tão-produtivo passatempo de não fazer nada, ela recebeu de sua mãe uma importante ordem, à qual uma recusa colocaria em risco sua integridade física. A tortuosa missão incumbida a Fulana foi a terrível demanda de… comprar pão.
E assim começa essa aventura ilustrada muito da sem vergonha. Talvez você já tenha ouvido falar sobre A Jornada do Herói, ou Monomito. Se esse for o seu caso, não se preocupe. Este livro não vai mais uma vez explicar o passo a passo dessa narrativa que roteiristas e romancistas utilizam de um modo acadêmico (outra palavra para complicado). Aqui vamos usar, de um jeito nonsense e divertido, a estrutura cíclica estudada por Joseph Campbell e detalhada pelo roteirista Christopher Vogler em sua obra A Jornada do Escritor para contar uma história onde esses detalhes possam ser desconstruídos ou transformados ao bel-prazer, com a ajuda da tremenda cara de pau dessa narradora que aqui vos fala.

A Jornada da Heroína
Autora: Fran Briggs
Formato: 24 x 18 cm, 80 páginas, brochura
Preço: R$ 35,00

* * *
Próximos Eventos

LER Salão Carioca do Livro – Rio de Janeiro
Palestra "20 anos de Tormenta, o universo de fantasia mais bem sucedido do Brasil", com J.M. Trevisan, Guilherme Dei Svaldi e Karen Soarele
Data: 23 de novembro (sábado)
Horário: 16 horas
Local: Teatro Literário LER – Campo de Santana – Praça da República s/n
Mais informações no evento no Facebook

Último episódio da Guilda do Macaco – Online
Após mais de três anos, a mesa de RPG oficial com os criadores de Tormenta chega  ao fim. O episódio final será transmitido ao vivo, com participação do público pelo chat.
Data: 26 de novembro (terça-feira)
Horário: 20h30
Local: Twitch da Dragão Brasil

Comic Con Experience 2019 – São Paulo
Encontro de Tormenta, com os criadores Marcelo Cassaro, Rogerio Saladino, J.M. Trevisan, Leonel Caldela, Guilherme Dei Svaldi e convidados
Data: 6 de dezembro (sexta-feira)
Horário: à tarde, horário a confirmar
Local: São Paulo Expo
Mais informações em breve