sábado, 24 de fevereiro de 2018

Mais Informações sobre a BC#16

Eu havia comentado, em uma postagem anterior, que talvez não conseguisse postar nada nessa semana. Bem, aqui estou. Mas desta vez não trago nenhum tile set ou algo do gênero (embora ainda tenha um guardado). Ao invés disso, trago os títulos e assuntos da BC#16, a próxima a ser lançada. A ideia é disponibilizar no início de março, mas não sei se conseguirei fazê-lo já na semana que vem -- achei que ia conseguir adiantar as coisas durante as minhas férias, mas foram só duas semanas e bem agitadas, então não deu. E quase nem fui pro escritório, campo direto, inclusive sábado e domingo -- o que significa que possivelmente enquanto vocês leem essa postagem eu estou trabalhando no mato! Mas enfim, vamos ao que interessa, as matérias da BC#16.

Onde Fui Amarrar Meu Burro? Um texto simples explicando um pouco o que é o RPG e os jogos OGL, foco da revista. A maioria dos leitores poderá passar reto por essas páginas...

A Morte Lhe Cai Bem. Novas versões para alguns mortos-vivos em Tormenta RPG (como o fantasma e a banshee), alguns novos mortos-vivos (como o soldado-morto e os necrodracos) e regras para personalizar um pouco seus mortos-vivos e pegar os PJ de surpresa.

A Maldição da Tumba. Aventura de 1º nível para Pathfinder. Além da aventura uma surpresa... a, dane-se, vou revelar logo a surpresa: um mapa em tamanho A2 da tumba para imprimir e jogar com suas miniaturas. E de quebra, algumas miniaturas de papel para quem não tiver suas minis. Pronto, falei!

Aberração Ocular. Já dizia o ditado, quem não tem beholder, caça com aberração... ou algo do tipo. Regras para criar uma aberração ocular, uma alternativa ao beholder (que é marca registrada do D&D). Regras para Pathfinder.

A Torre de Laetharell. Nesta aventura de 3º nível para Tormenta RPG os heróis precisarão descobrir o que aconteceu com Laetharell. Mas eles não fazem ideia do que vão encontrar...

Encontro Aleatório. Imagine você e seus companheiros andando peça estrada e, no meio do caminho, encontram mercenários enfrentando um urso-coruja. O que fazer? A resposta pode não ser tão óbvia quando olharem para a criatura com mais atenção...

Um comentário: